domingo, 13 de março de 2016

Vedanta Sutra


Vedanta Sutra
Capítulo 3 Pada 3 Adhikarana 33
Meditação na Forma da Suprema Personalidade de Deus
Introdução de Srila Baladeva Vidyabhusana Vedanta Acarya
"Nas passagens anteriores, a meditação sobre as qualidades e virtudes do Senhor foram descritas. Agora será descrita a meditação nos membros do corpo do Senhor e características. 
Na Gopala-tapani Upanisad (1.38), Brahma explica:
tam ekam govindam sac-cid-ananda-vigraham panca-padam vrndavana-surabhuruha-talasinam
satatam sa-marud-gano ham paramaya stutya tosayams
"Com orações eloquentes eu e os Maruts satisfazemos o Senhor Govinda, cuja forma é eterna, cheia de conhecimento e bem-aventurança, que fica sob uma árvore dos desejos em Vrndavana, e que é este Mantra de cinco palavras."
No verso que segue Brahma fala orações que descrevem o sorriso suave, olhar misericordioso, e outras características sobre o rosto do Senhor Supremo, Seus olhos, e outras partes do Seu corpo.
Samsaya (dúvida): Devemos meditar no sorriso suave e outras características do rosto do Senhor e as outras partes do Seu corpo ou não?
Purva paksa (o adversário fala): Porque pela meditação nas qualidades e virtudes gerais do Senhor se alcança o objectivo da vida, e por este objectivo, assim alcançado ser tão grande e exaltado, não há necessidade de meditar sobre as características do corpo do Senhor.
Siddhanta (conclusão): Nas seguintes palavras, o autor dos Sutras (Vyasa) dá a sua conclusão.
Sutra 63
angesu yathasraya-bhavah
angesu-nos membros; yatha-como; asraya-abrigo; bhavah-natureza
"Meditação adequada nos membros."
Significado por Srila Baladeva Vidyabhusana Vedanta Acarya
Deve-se meditar adequadamente sobre a boca do Senhor e as outras partes de Seu corpo. Isto significa que deve-se meditar sobre as qualidades que abrigaram-se nas partes do corpo do Senhor. Assim, na boca do Senhor há um sorriso gentil e doces palavras, em Seus olhos há um olhar misericordioso, e nas outras partes do Seu corpo há outras características.
Sutra 60
sistais ca
sistaih-pelos discípulos; ca-e
"Também pelos discípulos."
Significado por Srila Baladeva Vidyabhusana Vedanta Acarya
Na Gopala-tapani Upanisad (1.51) é dito:
atha haivam stutibhir aradhayami tatha yuyam panca-padam japantah krsnam dhyayantah samsrtim tarisyatha
"Brahma disse: Assim como eu adoro Krsna, você também deve adorá-Lo. Ao cantar este Mantra de cinco palavras, e meditando sobre o Senhor Krsna, você vai transcender o mundo do nascimento e
morte."
Desta forma Brahma ensina seus discípulos a meditar sobre as qualidades presentes na forma do Senhor Krsna. Este é o significado.
Aqui, alguém pode objectar: Na Chandogya Upanisad (1.6.7) é dito:
yatha kapyasam pundarikam evam aksini
"Os olhos do Senhor Supremo são como flores de lótus."
Aqui não há menção do olhar misericordioso do Senhor ou outras características.
Se isto é dito, em seguida, o autor dos Sutras dá a seguinte resposta.
Sutra 65
samaharat
samaharat-por causa de ser coletivo
"Por causa de estar juntos."
Significado por Srila Baladeva Vidyabhusana Vedanta Acarya
A palavra "na" (não é assim) deve ser adicionada aqui de três Sutras anteriores.
A palavra se aplica a ambos os Sutras. Nesta passagem da Chandogya Upanisad muitas outras características do corpo do Senhor estão implícitas. Esta passagem não quer dizer que o Senhor tem apenas os olhos de lótus e não tem outras características corporais.
Aqui, alguém pode objectar: A ideia de que se deve meditar sobre as partes do corpo do Senhor como tendo apenas certos atributos e outros não é errado. 
Eu refuto isto com as seguintes palavras.
Sutra 66
guna-sadharanya-srutes ca
guna-de qualidades; sadharanya-em comum; sruteh-do Sruti-sastra; ca-também
"Também porque o Sruti-sastra declara que as qualidades são realizadas em comum."
Significado por Srila Baladeva Vidyabhusana Vedanta Acarya
Na Bhagavad-gita (13.14) é dito:
sarvatah pani-padam ta
"Suas mãos e pernas estão em todos os lugares."
Esta passagem mostra que se deve meditar sobre as partes do corpo do Senhor como todos tendo as mesmas qualidades em comum. 
Na Brahma-samhita (5.32), é dito:
angani yasya sakalendriya-vrttimanti
pasyanti panti kalayanti tatha jaganti
"Cada um dos membros da forma transcendental do Senhor possuem em Si mesmos as funções de pleno direito de todos os órgãos e eternamente vêm, mantêm e manifestam os universos infinitos, tanto espirituais como mundanos."
Desta forma, as escrituras declaram que cada parte do corpo do Senhor tem todas as qualidades de todas as outras partes.
Com as seguintes palavras o autor dos Sutras refuta essa ideia.
Sutra 67
na va tat-saha-bhavasruteh
na-não-; va-ou; tat- isto; saha-em conjunto; bhava-estar; a-não-; sruteh-do Sruti-sastra
"Ou não, porque o Sruti-sastra não declara que eles têm a mesma natureza."
Significado por Srila Baladeva Vidyabhusana Vedanta Acarya
A palavra "va" (ou) é usada aqui para dar ênfase. Não se deve meditar sobre as diferentes partes do corpo do Senhor como se todas tivessem as mesmas características em comum. Porque isto? O Sutra explica: "tat-saha bhavasruteh" (porque o Sruti-sastra não declara que eles têm a mesma natureza). Isto significa que o Sruti-sastra não declara que as qualidades de uma parte do corpo está presente nas outras partes. Além disso, não se deve meditar sobre as partes do corpo do Senhor como tendo as mesmas qualidades que as outras partes. As descrições da Bhagavad-gita 13.14 e outras passagens das escrituras deve ser entendida no sentido de que a Suprema Personalidade de Deus, sendo todo-poderoso, pode fazer qualquer coisa com qualquer parte do Seu corpo. Este é o significado.
Sutra 68
darsanac ca
darsanat-de ver; ca-também
"Também por ver."
Significado por Srila Baladeva Vidyabhusana Vedanta Acarya
Portanto, o sorriso gentil do Senhor deve ser entendido como estando presente em Seu rosto e Suas outras qualidades como estando presente nas outras partes do Seu corpo, cada um em seu lugar apropriado. Desta forma, assim é visto e descrito."