domingo, 15 de maio de 2016

"Religião, Política e Futebol não se discute."


O que um Cristão, Budista, Sankarite, Vaisnava, Judeu, Xintoista, Umbandista, Muçulmano, Espírita, Evangélico, Sikh ... (com todas as diferentes e diferentes vertentes de cada um) têm em comum? 
Não. A resposta não é que estas são designações temporárias.
De facto não existem diálogos inter religiosos, mas sim encontros inter religiosos. 
Quando se diz "diálogo inter religioso" significa que diferentes vertentes religiosas encontram-se para dialogar acerca de temas comuns a todos, e para conviverem em harmonia. 
Dialogam acerca da paz mundial, ecologia e que todos estão a buscar a felicidade. Isto é comum a todos.
Mas não há diálogo acerca de questões Teológicas. 
Nem poderia haver. São diferentes e continuam a ser diferentes (em temas Filosóficos e Teológicos), mas convivem civilizadamente uns com os outros.
É daí que surge a frase: "Religião, Política e Futebol não se discute." 
Eu acrescentaria também que não se discute sexualidade (Hetero, Homo, Bi, etc).