quinta-feira, 26 de maio de 2016

O Serviço Devocional continua após a Liberação - Vedanta Sutra


Foto: A famosa gastronomia de Udupi tem sua origem nas Ashta Mathas (8 Monastérios) de Madhvacarya em Udupi. Assim, além de contribuirem para o Dvaita Vedanta, também contribuem com sua prestigiada e renomada gastronomia. São muitas preparações diárias para Sri Krsna, inigualáveis no seu sabor, servidas numa folha de bananeira. Quem já experimentou, chora por mais !!!
Vedanta Sutra
Capítulo 4 Pada 1 Adhikarana 8
O Serviço Devocional continua após a Liberação
Introdução pelo Vedanta Acarya Srila Baladeva Vidyabhusana
Na Prasna Upanisad (5.1) diz-se:
sa yo haitad bhagavan manusyesu prayanantam omkaram abhidhyayrta
"Ó mestre, que mundo é alcançado por uma pessoa que até o final de sua vida continua a meditar no Om?"
Na Nrsimha-tapani Upanisad (2.4) diz-se:
yam sarve deva namanti mumuksavo brahma-vadinas ca
"Todos os que são semideuses, todos os que são filósofos, e todos os que anseiam por atingir liberação adoram a Suprema Personalidade de Deus"
Na Taittiriya Upanisad (3.10.5), é dito:
etat sama-gayann aste
"Eles sentam-se e cantam o Sama Veda para glorificá-Lo."
No Rig Veda (1.22.20) é dito:
tad visnoh paramam padam sada pasyanti surayah
"Os devotos sábios e cultos sempre vêem a morada suprema do Senhor Visnu." 
Nestes versos diz-se que o serviço devocional tanto leva à liberação como também continua depois da liberação.
Samsaya (dúvida): o serviço devocional é realizado apenas antes da liberação ou não? 
Purvapaksa (o adversário fala): Porque a liberação é a meta a ser atingida através da realização de serviço devocional, portanto o serviço devocional é realizado apenas enquanto não se é liberado.
Siddhanta (conclusão): Nas seguintes palavras, o autor (Vyasadeva) dos Sutras dá Sua conclusão.
Sutra 12
aprayanat tatrapi hi drstam
a - até; prayanat - liberação; tatra - lá; api - mesmo; hi - de facto; drstam - visto
"Até a liberação. Mesmo lá, isto é visto."
Significado pelo Vedanta Acarya Srila Baladeva Vidyabhusana
"O serviço devocional deve ser executado tanto antes como depois da liberação. 
Porque isso?
O Sutra explica, "hi drstam". Isso significa, "porque isto é visto no Sruti-sastra." 
No Sauparna-sruti é dito:
sarvadainam upasita yavad vimuktih mukta api hy enam upasate
"Antes de alcançar a liberação as grandes almas sempre adoram o Senhor. Depois da liberação elas continuam a adorá-Lo."
Dessa forma, é dito que o Senhor é adorado em ambas as circunstâncias.
Aqui, alguém pode objectar: As almas liberadas não adoram o Senhor. Isto porque elas não têm nenhuma meta a atingir em tal adoração e porque as escrituras não pedem tal adoração.
A isto eu respondo: Isto é verdade. Ainda assim, mesmo que não haja nenhuma ordem escritural obrigando-as, ainda assim, as almas liberadas adoram o Senhor, porque elas são atraídas por Sua beleza transcendental. Além disso, uma pessoa que tem icterícia come doces de açúcar como medicina, mas quando ela está curada, também continua a comer açúcar. Da mesma forma as almas liberadas continuam a adorar o Senhor. Desta forma fica provado que as grandes almas adoram o Senhor tanto antes como depois de atingir a liberação."